A expansão da Endocrinologia no Brasil

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

19/03/2021

A endocrinologia vive um momento de grande expansão no país não somente agora, pois a procura pelos serviços destes profissionais sempre esteve em alta. O que mudou foi o conhecimento da população sobre a endocrinologia e suas responsabilidades.

Diabetes, obesidade, ovários policísticos, osteoporose, menopausa, hipotireoidismo, alterações hormonais, etc são problemas que acompanham os brasileiros, e quem trata essas doenças endócrinas são os endocrinologistas. Nesta matéria, separamos alguns tópicos relevantes sobre esta especialidade para quem já atua na área médica e visa crescer profissionalmente cada vez mais.

O que faz um endocrinologista faz?

Este profissional pode atuar em postos de saúde, clínicas e hospitais das redes pública ou privada. Sua rotina está diretamente ligada ao atendimento a pacientes gerando acompanhamento de análises de histórico, solicitações de exames, definições de diagnósticos e organização de estratégias de tratamento.

O que este mercado reserva para o futuro? 

Diagnósticos cada vez mais precisos, profissionais cada vez mais especializados. Esses são alguns dos fatores que colaboraram para a consolidação da endocrinologia no mercado de medicina. Nessa área, é bastante comum que os profissionais aperfeiçoem novas formas de tratar antigas disfunções, causando cada vez menos danos e efeitos colaterais para o paciente.

O perfil deste profissional

Médicos recém-formados que almejam se aprofundar no tema, colegas que já atuantes na medicina que pretendem ter uma visão mais específica sobre o assunto, profissionais que desejam publicar artigos científicos e nutrólogos que atuam em reposição hormonal e querem compreender o tema de uma maneira mais balizada pela ciência. Ao todo, segundo a Demografia Médica 2020, há 5888 endocrinologistas no país.

A Endocrinologia e Metabologia é a especialidade médica que estuda as ordens do sistema endócrino e suas secreções específicas, chamadas de secreções fisiológicas. As principais áreas de atuação do especialista, que é denominado endocrinologista, são: o tratamento do câncer, da obesidade mórbida, desordens da glândula hipófise, alterações do ciclo menstrual, tratamento e acompanhamento de pacientes diabéticos e outras doenças relacionadas com a deficiência ou o excesso de suco gástrico. Neste sentido, a endocrinologia possui vários ramos de estudo, como a neuroendocrinologia, tireoide, obesidade e diabetes, adrenais, endocrinologia feminina e masculina, metabolismo dos carboidratos, lipídios e proteínas, tumores neuroendócrinos e síndromes poliglandulares.

Saiba mais sobre esta especialidade e conheça as Pós-graduações FGMED

As pós-graduações do FGMED são reconhecidas pelo Ministério da Educação (MEC). A formação de especialista será concedida após aprovação na prova de título. Além disso, é necessário que o médico preencha todos os pré-requisitos exigidos pela sociedade brasileira da especialidade em questão.

Informe-se sobre todas as condições diretamente com um consultor.

Preencha o formulário abaixo ou entre em contato pelo 0800 111 111 ou (11) 97159-0071 (WhatsApp).

Leia mais notícias e artigos

Está pronto para um upgrade
na sua carreira?

    Quero mais

    INFORMAÇÕES


    Preencha o formulário
    e em breve entraremos em contato.

    Pronto!
    Agora é só aguardar o nosso contato.

    Usamos cookies em nosso site para fornecer a experiência mais relevante, lembrando suas preferências em visitas repetidas.
    Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com o uso de TODOS os cookies. Para mais informações consulte nossa Política de Privacidade.