Pesquisa revela que pais estão deixando de vacinar seus filhos na pandemia

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Na avaliação de 73% dos pediatras, crianças estão deixando de ser vacinadas durante a pandemia de coronavírus. O dado faz parte da pesquisa divulgada ontem (19) pela Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) e a Federação Brasileira de Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo).

Mais de 1.525 médicos de todo país responderam a um questionário online. Segundo a presidente da SBP, Luciana Rodrigues Silva “Nós não queremos que doenças que já estão erradicadas ou diminuíram muito voltem a nos assustar, por isso é importante que os pais continuem vacinando seus filhos mesmo durante o período de quarentena”.

A pesquisa revelou que 70% dos médicos acreditam que as famílias têm medo de se contaminar ou infectar as crianças com o novo coronavírus em consultas presenciais. Aproximadamente 82% dos médicos relataram um aumento dos atendimentos por telefone, aplicativos de mensagens e outras formas de comunicação à distância.

Conheça as Pós-graduações FGMED

As pós-graduações do FGMED são certificadas pelo Ministério da Educação (MEC). A formação de especialista será concedida após aprovação na prova de título. Além disso, é necessário que o médico preencha todos os pré-requisitos exigidos pela sociedade brasileira da especialidade em questão.

Informe-se sobre todas as condições diretamente com um consultor. Preencha o formulário abaixo ou entre em contato pelo 0800 11 1111.

Leia mais notícias e artigos

Está pronto para um upgrade
na sua carreira?

    Quero mais

    INFORMAÇÕES


    Preencha o formulário
    e em breve entraremos em contato.

    Pronto!
    Agora é só aguardar o nosso contato.

    Usamos cookies em nosso site para fornecer a experiência mais relevante, lembrando suas preferências em visitas repetidas.
    Ao clicar em “Aceitar”, você concorda com o uso de TODOS os cookies. Para mais informações consulte nossa Política de Privacidade.