China dá início a segunda parte dos testes para a vacina contra Covid-19

A pandemia do novo coronavírus já ultrapassa os 2 milhões de casos confirmados, mais de 128 mil mortes em todo o mundo foram confirmadas e com isso a corrida por uma vacina contra a Covid-19 se intensifica. A China está um passo mais próxima desse objetivo e anunciou que está pronta para avançar à segunda fase de testes clínicos de uma vacina.

O projeto busca desenvolver uma vacina de subunidade. A fórmula é diferenciada das técnicas tradicionais pois contém apenas certos antígenos específicos sem patógenos. O projeto é dirigido pela bioengenheira e general de brigada Chen Wei, desde o final de janeiro de 2020.

Na primeira fase de testes clínicos, o projeto de vacina chinês foi testado em 108 pessoas saudáveis. Elas foram selecionadas entre mais de 5.200 candidatos, divididas em três grupos de acordo com a dose recebida. Os resultados foram considerados positivos, os pesquisadores chineses foram liberados a avançar para a segunda etapa de testes. Nessa segunda parte, o teste de vacina será repetido em uma amostra com várias centenas de pessoas. No total são necessárias três etapas de testes para analisar e assegurar a segurança da vacina e sua eficácia.

Conheça as Pós-graduações FGMED

As pós-graduações do FGMED são certificadas pelo Ministério da Educação (MEC). A formação de especialista será concedida após aprovação na prova de título. Além disso, é necessário que o médico preencha todos os pré-requisitos exigidos pela sociedade brasileira da especialidade em questão.

Informe-se sobre todas as condições diretamente com um consultor. Preencha o formulário abaixo ou entre em contato pelo 0800 11 1111.

Estude em casa com o FGMED